i
11 9 9174 8290
mauriciobastos@espacointegracao.com.br
pt Portuguese
pt Portuguese
Ação, trabalho e fé

Ação, trabalho e féAno Novo começando e com ele, a existência de novas possibilidades de reavaliação dos caminhos de vida, das escolhas mais conscientes e de desenvolver uma maior coerência entre o pensar, o sentir e o agir. Ano que, a partir das percepções astrológicas, numerológicas e do tarô, vai demandar muita atenção, consciência e presença.

Numerologia

A numerologia nos traz o número 4 que simboliza a organização, a estrutura, a produtividade com excelência e a consistência. Ano que demanda a atenção aos detalhes, a disciplina, as estratégias e metas. Ano que solicita um cuidado especial com a saúde, em todos os âmbitos. Ano em que a moderação e a paciência são fundamentais para seguirmos com uma vida com qualidade.

Caso o automatismo e inconsciência estejam muito presentes, a chance de a mente emocional caminhar com sofrimento é grande. Ansiedade, depressão, estresse, impaciência e teimosia são possibilidades latentes deste ano 4. Na astrologia, os aspectos também estão similares a numerologia, em sua maioria, muito relacionados ao elemento Terra (estrutura).

Protagonismo de nossa história

Astrologicamente, o ano começa com a entrada do Sol no signo de Áries em 21 de março de 2020, mas já estamos sentindo a vibração destes aspectos em nossas vidas. O ano de 2019 foi regido por Marte, chamando a atenção para a autoria e apropriar-se da ação.

Já 2020, será regido pelo astro-rei, o Sol. Estrela central do Sistema Solar que na astrologia simboliza nossa identidade, nossa essência e potencial criativo. O nosso poder pessoal e autor-idade sobre a vida estará exaltado neste ano de 2020, ou seja, o despertar para o “protagonista” da história de nossas vidas.

Sob o Sol

As questões políticas, cada vez mais, serão trazidas à consciência e à verdade. A luz do Sol (regente do ano) irá ajudar a perceber as sombras de nossos governantes e suas artimanhas. Ano propício ao despertar de potenciais latentes e muita criatividade, portanto, se permita deixar um espaço na agenda para deixar sua luz brilhar (a criança interior) e se expressar.

O Sol rege as paixões e intensidades em todos os âmbitos, assim será importante vivê-las e saboreá-las, mas observe se estão em ressonância com sua essência e propósitos verdadeiros.

Mergulho no autoconhecimento

Uma palavra-chave para o ano que se inicia: responsabilidade. Ou seja, a habilidade em responder as principais questões essenciais da vida: o que quero, o que sinto, o que realmente importa e que sentido dá a vida? O mergulho no autoconhecimento é fundamental para este momento de desafios e pressões.

A prática da auto-observação (atenção consigo) durante as 24h será um divisor de águas. Desenvolver a auto-observação implica praticar o descondicionamento e desautomatização de crenças, hábitos e posturas que nos habituamos em toda nossa vida, em que a atenção está sempre voltada para “fora”, para as questões da vida externa. Esta transição para a autoria, isto é, para assumir sua verdade, demanda coragem, determinação e foco.

Sugestões para o ano

  • Autoconhecimento (terapias, leituras, workshops, retiros)
  • Auto-observação (qualidade de atenção consigo: corpo, mente e emoções)
  • Práticas meditativas (respiração consciente, aquietar, ioga, agradecer)
  • Práticas físicas (esportes, alimentação saudável, sono, natureza)
  • Autocompaixão, autoaceitação, autoperdão e, assim, poder “Amar o próximo como a ti mesmo”.
Por Mauricio Bastos, terapeuta há 21 anos
Revista Circuito, 1 de janeiro 2020
Espalhe amor

Add Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

cinco × quatro =

Phone: 11 9 9174 8290